sábado, 9 de fevereiro de 2008

1, 2, 3...

Testando, alguém aí?
Bom eu só queria dizer que tá tudo bem. É, aquilo tudo passou.
Não sei se volto pra o café, acho que nem volto mais. Fica bem tá?
Cuida do cachorro e ensina o bicudo a cantar, tanto sonhei em vê-lo cantar.
Tá, não tá tudo tão bem assim, não sei se foi só um momento mas tava tudo bem, há alguns segundos que se passaram ou só fugiram.
Desisti do dinheiro, e do amor. Resolvi deixar a vida me levar pelos cantos em que cantarem. Ah, e se cantarem a nossa canção, lembra de mim e deixa tudo igual. Já não lembro como ela começa mesmo, nem como tudo começou.
Ainda tem umas coisas que tenho de fazer, e não, não cabe mais você em meu caminhar. Pensei que andar de mãos dadas era mais fácil.
Deixa o sofá no mesmo canto, odeio que mudem de hábitos, que mudem os átrios.
Cuida-se, e não jogue fora meus vinis. Quem sabe um dia eu volto.




teste, só um teste.