sexta-feira, 30 de setembro de 2011

adeus

bebi do seu feitiço
arrastei o mundo com a mão
provei o sabor, frio,
descobri que o peito cansa

e de repente
meu coração
ah! meu coração,
mesmo sozinho
agora dança.

Nenhum comentário: