terça-feira, 27 de março de 2012

apontamentos florais

o despetalar é lento
constante
desflorir se faz importante;

reinvenção
máxima do algodoeiro
e a maciez
suprime
a beleza

Um comentário:

Saulo Moreira disse...

Um homem com a flor na boca, eu diria.