quarta-feira, 18 de abril de 2012

atiradeira

rasgam-se
tocam-se
juntam-se
milimetricamente

suam

o sol lá fora
rasga
toca
junta
tudo aqui dentro
feito pedra de atiradeira
que voa pro alvo
mas não escapa do vento
submissa ao ar

rasga
toca
junta

o ar que me falta

e o sol lá fora
mimeticamente
queima
o céu
e o ar que me falta
ar

ai se todo dia fosse só pedra de atiradeira
e alvo

Nenhum comentário: