domingo, 17 de março de 2013

domingo

qualquer domingo desse
lhe chamo de surpresa
pra comer comigo
comidinha requentada,
tomar uma cerveja
ouvir Nelson Gonçalves
pisar no chão com a segurança nos pés
dos anos sessenta,
se perder na tarde
enquanto nada é tarde
e da janela
meio jardim
meio afim.

Nenhum comentário: