segunda-feira, 8 de junho de 2015

reza

eu sempre esperei 
um milagre.
não há janela em minha vida
que não tenha sido
um pouco de estupa
um muito de pedido
um tanto de joelho
um santo, uma culpa
um perdão.

Nenhum comentário: